Com a palavra, o Coordenador de Engenharia Elétrica:

.

"A FAM, quando forma os engenheiros, espera que eles aprendam a aprender porque o mundo, hoje, está numa verdadeira evolução tecnológica, as mudanças acontecem a cada minuto e o profissional deve estar preparado para se atualizar, se “recapacitar”, buscar novas idéias, criar novas soluções, ser pró-ativo e empreendedor, que são duas qualidades importantes para que possa atuar adequadamente, e que ele busque ser inovador também, são as demandas que temos hoje no mundo profissional e na nossa sociedade moderna.."

 

"O curso de Engenharia Elétrica da FAM é um curso generalista, então dividimos em 13 diferentes áreas. O engenheiro eletricista tem uma área bem abrangente, podendo trabalhar com eletrotécnica, eletroeletrônica, etc. Nós, da FAM, temos a preocupação de ensinar o que eles precisarão de acordo com o que o mercado exige. Formamos engenheiros voltados para campo e, se preferirem, acadêmicos também.

Poderão atuar em qualquer empresa, organização, porque energia, hoje, é básico para qualquer área então na verdade, a Engenharia Elétrica está associada a hospitais, pois eles precisam de um responsável técnico pelos equipamentos eletrônicos com alta sensibilidade que podem causar danos à vida; indústrias; shoppings, fazendo projetos ou consultorias; bancos, por conta do que usamos em cálculos, física, sendo que os engenheiros são muito requisitados na área bancária por essa habilidade que desenvolvem. Portanto, é um campo de atuação profissional bem abrangente e mais ainda por conta da evolução tecnológica.

Nas empresas, nas indústrias, no comércio, o engenheiro entra com a parte de projetos, acompanha a implementação destes, voltados para a área elétrica, eletroeletrônica, sendo que o engenheiro se configura como responsável técnico. O engenheiro, necessariamente, tem o CREA que promove a ele toda essa abrangência. Eu, por exemplo, sou conselheiro e represento a FAM no conselho de Engenharia e Agronomia e, quando elaboramos a estrutura do curso, existe a preocupação de prover ao profissional formado pela FAM o poder de atuar nas diversas áreas da Engenharia Elétrica, desde projetos, execução, acompanhamento, consultoria e afins.

A FAM, quando forma os engenheiros, espera que ele aprenda a aprender porque o mundo, hoje, está numa verdadeira evolução tecnológica, as mudanças acontecem a cada minuto e o profissional deve estar preparado para se atualizar, se “recapacitar”, buscar novas idéias, criar novas soluções, ser pró-ativo e empreendedor, que são duas qualidades importantes para que possa atuar adequadamente, e que ele busque ser inovador também, são as demandas que temos hoje no mundo profissional e na nossa sociedade moderna.

Para podermos desenvolver essas habilidades nos alunos, nós criamos vários projetos e atividades de laboratório em que o aluno reproduza na FAM algumas necessidades do mercado, pois assim conseguimos, de alguma maneira, fazer com que o aluno tenha uma percepção do que é o mercado, através da prática. Então ele recebe bastante teoria. A Engenharia é modelamento e teoria, mas a prática também é uma forma de você concretizar todo esse conhecimento. Também temos várias atividades que realizamos no transcorrer do curso, aumentando o nível de complexidade, sempre encaminhando o aluno para o mercado de trabalho, de tal maneira que ele tenha um embasamento, um conhecimento prático nessas diversas áreas durante o curso.

Engenharia Elétrica é tudo na vida, nós somos elétricos, nossas conexões neurais são elétricas! Na Engenharia Elétrica, você aprende eletromagnetismo, que não é fácil, mas é gostoso e agradável. A partir daí, você começa a perceber a vida de outra maneira, com outro olhar e, principalmente, das necessidades. Hoje, tudo o que fazemos envolve eletricidade, então pra quem gosta desse assunto, a Engenharia Elétrica te dá essa possibilidade de empregabilidade nas diversas áreas. Dessa forma, é um curso que te dá uma boa capacitação e formação, mas apesar de vários desafios para completar o curso, o importante é sempre buscarmos passar por cada etapa. Elétrica é isso, é a vida da gente!"

 

Carlos Fielde de Campos - Coordenador do curso de Engenharia Elétrica da FAM - Faculdade de Americana.

Currículo Lattes do profissional

Receba um infográfico completo sobre a profissão!

Basta preencher o formulário abaixo:

Preencha corretamente os campos marcados

Enviando...

Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.